ROMÃO CÉSAR – TV GAZETA

CANIL PMESP – OPERAÇÕES COM CÃES – CÃES DA POLÍCIA MILITAR SE DESTACAM NA APREENSÃO DE ENTORPECENTES – O COMBATE AO TRÁFICO DE DROGAS É UM DOS FOCOS DA SEGURANÇA PÚBLICA NO ESTADO DE SÃO PAULO

View this post on Instagram

Cães da Polícia Militar se destacam na apreensão de entorpecentes __________________________________ 🇧🇷🐕💀 . O combate ao tráfico de drogas é um dos focos da segurança pública no Estado de São Paulo. . Desde o início do ano, diversas operações com aumento temporário de efetivo são deflagradas com o intuito de aumentar a sensação de segurança da população, retirando drogas e armas das ruas, além de capturar foragidos e coibir a atividade criminosa, reduzindo assim os indicadores criminais em todo o Estado de São Paulo. . O Canil da Polícia Militar, unidade subordinada ao Policiamento de Choque, é parte integrante destes procedimentos de segurança. Estas equipes integram os grupos que realizam incursões em locais apontados pela inteligência como prováveis pontos de atividade criminosa vinculada ao tráfico de drogas. . Em 2019, os cães da Polícia Militar têm se destacado nestas operações e na última quarta-feira (07), foram até mesmo homenageados no Palácio dos Bandeirantes, durante a última edição do Policial Nota 10, programa criado pela atual gestão da Secretaria da Segurança Pública, com o objetivo reconhecer e estimular o bom trabalho policial em todo o Estado. . @policiamilitarsp_oficial @comandodechoque @3bpchq_pmesp . #k9 #caes #cães #pmesp #governosp #policiamilitarsp #caesdedeteccao #canilcentral #3bpchq #aforçapúblicadesãopaulo #caesdeservico #cães #caesherois #cãesheróis #herois_k9 #pastoralemao #braziliank9 #malinois #workingdogmagazine #police #k9unit #military #workingdogsofinstagram #policek9magazine #sejavoceamudancaquedesejavernomundo #cinotecnia

A post shared by Canil PMESP Operações com Cães (@5bpchq_canil_pmesp) on

“A CIVILIZAÇÃO TEM ISTO DE TERRÍVEL: O PODER INDISCRIMINADO DO HOMEM ABAFANDO OS VALORES DA NATUREZA. SE ANTES RECORRÍAMOS A ESTA PARA DAR UMA BASE ESTÁVEL AO DIREITO (E, NO FUNDO, ESSA É A RAZÃO DO DIREITO NATURAL), ASSISTIMOS, HOJE, A UMA TRÁGICA INVERSÃO, SENDO O HOMEM OBRIGADO A RECORRER AO DIREITO PARA SALVAR A NATUREZA QUE MORRE”. (MIGUEL REALE, MEMÓRIAS, SÃO PAULO: SARAIVA, 1987, V.1, P.297)

Miguel Reale, jurista, filósofo, escritor, nasceu em São Bento do Sapucaí, SP, em 6 de novembro de 1910, e faleceu na cidade de São Paulo em 14 de abril de 2006. Filho do médico italiano Dr. Braz Reale e de D. Felicidade da Rosa Góis Chiarardia Reale.

http://www.academia.org.br