31 DE DEZEMBRO DE 2017 – ÚLTIMO DOMINGO DO ANO, ÚLTIMA MISSA DO ANO, HOJE COMEMORAMOS A SAGRADA FAMÍLIA DE NAZARÉ: JESUS, MARIA E JOSÉ. NESSA FAMÍLIA NASCEU E CRESCEU O VERBO DE DEUS PARA UM DIA ASSUMIR SUA MISSÃO SALVADORA NO MUNDO. QUE A SAGRADA FAMÍLIA QUE VIVIA EM TORNO DE JESUS, SEJA O MODELO DO LAR CRISTÃO

View this post on Instagram

31/12/17 – Padre Luiz Eduardo Pinheiro Baronto, Cura da Catedral da Sé, Metropolitana Nossa Senhora Assunção de São Paulo. No final da última celebração eucarística do ano de 2017, o padre enviou uma benção especial para a rua Pascoal Gomes de Lima, bairro Vila Albertina, zona norte de São Paulo, em virtude de um incêndio ocorrido num galpão de peças automotivas nessa rua. Esse incêndio surpreendeu a todos (donos da empresa e vizinhos), moradores dessa rua. Ele encerrou desejando uma benção especial para todos nós, moradores do bairro. Pois parte dele foi mobilizado para facilitar o grandioso trabalho dos bombeiros, que se empenharam e se mobilizaram para apagar o fogo e para que não houvesse vítimas. Essa benção é extensiva a esses homens, bombeiros militares. 👩‍🚒 🚒

A post shared by Conceição Aparecida Santos (@conceicao.a.santos) on

27/12/17 e 28/12/17 – Vossa Excelência Cel PM Cássio Roberto Armani, Comandante do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo

Vossa Excelência Cel PM Cássio Roberto Armani, Comandante do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo

Nós, moradores do bairro Vila Albertina, zona norte de São Paulo, queremos agradecer o serviço prestado pelo Corpo de Bombeiros aos moradores desse bairro, na última quarta-feira, 27/12/17.

“Muito obrigado” de coração. Se pudéssemos abraçaríamos um por um. Só em pensar em quantas vidas foram salvas.

Recebam nossa humilde admiração e gratidão, pelas milhares de vidas salvas por vocês, amigos desconhecidos. Parabéns pela profissão de bombeiro militar e nossa homenagem a essa tão honrosa profissão, que é pura doação.

Bastou apenas um chamado. A equipe se mobilizou e aqui chegaram, em defesa da vida. Todos aptos e capazes de atender essa ocorrência, ou qualquer outro utra, seja ela na terra, na água ou nas alturas.

Prontos e posicionados 24 horas por dia, 7 dias por semana, 12 meses por ano. Esse é o Corpo de Bombeiros Militar, a quem rendemos nossa respeitosa admiração, respeito e gratidão.

Um incêndio atingiu na madrugada de quarta-feira, 27/12/17, um galpão de peças automotivas na região do Tremembé, zona norte de São Paulo, mais especificamente na rua Pascoal de Lima, CEP 02357-070, São Paulo – SP.

Foram 30 veículos do Corpo de Bombeiros enviados para combater as chamas nesse galpão. Mais 70 bombeiros valorosos (entre homens e mulheres), que trabalhavam incansavelmente para conter as chamas e salvar vidas. Em união, uma equipe coesa, sem espírito de competição, e com muito respeito entre eles e com os moradores.

Pela dimensão do fogo, poderia causar uma grande explosão no quarteirão e o fogo migrar e se alastrar para as residências.

Uma profissão que exige uma grande quantidade de coragem, uma pessoa que está disposta a arriscar a sua vida para salvar a de outras pessoas, sem nem conhecê-las, só pode ser anjos enviados do céu, a serviço de Deus.

Esses bombeiros arriscaram a própria vida para salvar outras tantas. Encararam de frente o fogo que apagava e voltava, apagava e voltava. Foram 130 mil litros de água, salvo engano. Lutaram pelo desconhecido até o último instante, pois isso levou muitas horas. A profissão de bombeiro não tem nada de fantasia.

O que se percebe claramente desse trabalho é a coragem, a vontade de ajudar o próximo, a doação e o treinamento, muito treinamento e preparo técnico.

Fiquei impressionada com a força das bombeiras. Uma força que nem parece delas, mas sim da vontade de ajudar e de salvar.

No dia seguinte, 28/12/17, os bombeiros ainda continuavam no local combatendo o incêndio, que não tinha sido controlado. O Corpo de Bombeiros demorou aproximadamente sete horas para apagar o incêndio, sem vítimas.

Nós recebemos do Corpo de Bombeiros apoio e solidariedade neste momento de tragédia. Recebemos a ajuda de vocês, acostumados a salvar vidas. Toda a nossa gratidão pelo apoio do Corpo de Bombeiros.

Atenciosamente,

Moradores da
Rua Pascoal Gomes de Lima
02357-070 – Bairro Vila Albertina – SP
27 e 28/12/17

View this post on Instagram

Vossa Excelência Cel PM Cássio Roberto Armani, Comandante do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo. Nós, moradores do bairro Vila Albertina, zona norte de São Paulo, queremos agradecer o serviço prestado pelo Corpo de Bombeiros aos moradores desse bairro, na última quarta-feira, 27/12/17. “Muito obrigado” de coração. Se pudéssemos abraçaríamos um por um. Só em pensar em quantas vidas foram salvas. Recebam nossa humilde admiração e gratidão, pelas milhares de vidas salvas por vocês, amigos desconhecidos. Parabéns pela profissão de bombeiro militar e nossa homenagem a essa tão honrosa profissão, que é pura doação. Bastou apenas um chamado. A equipe se mobilizou e aqui chegaram, em defesa da vida. Todos aptos e capazes de atender essa ocorrência, ou qualquer outra, seja ela na terra, na água ou nas alturas. Prontos e posicionados 24 horas por dia, 7 dias por semana, 12 meses por ano. Esse é o Corpo de Bombeiros Militar, a quem rendemos nossa respeitosa admiração, respeito e gratidão. Atenciosamente, Moradores da Rua Pascoal Gomes de Lima 02357-070 – Bairro Vila Albertina – SP 27 e 28/12/17

A post shared by Conceição Aparecida Santos (@conceicao.a.santos) on

View this post on Instagram

Vossa Excelência Cel PM Cássio Roberto Armani, Comandante do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo. Nós, moradores do bairro Vila Albertina, zona norte de São Paulo, queremos agradecer o serviço prestado pelo Corpo de Bombeiros aos moradores desse bairro, na última quarta-feira, 27/12/17. “Muito obrigado” de coração. Se pudéssemos abraçaríamos um por um. Só em pensar em quantas vidas foram salvas. Recebam nossa humilde admiração e gratidão, pelas milhares de vidas salvas por vocês, amigos desconhecidos. Parabéns pela profissão de bombeiro militar e nossa homenagem a essa tão honrosa profissão, que é pura doação. Bastou apenas um chamado. A equipe se mobilizou e aqui chegaram, em defesa da vida. Todos aptos e capazes de atender essa ocorrência, ou qualquer outra, seja ela na terra, na água ou nas alturas. Prontos e posicionados 24 horas por dia, 7 dias por semana, 12 meses por ano. Esse é o Corpo de Bombeiros Militar, a quem rendemos nossa respeitosa admiração, respeito e gratidão. Atenciosamente, Moradores da Rua Pascoal Gomes de Lima 02357-070 – Bairro Vila Albertina – SP 27 e 28/12/17

A post shared by Conceição Aparecida Santos (@conceicao.a.santos) on